TESTE PROGENESMACROFIT

Teste para otimização de treinos e planos alimentares (Progenesfit + ProgenesMacro)

GENES ANALISADOS

Gene da velocidade ACTN3:

Uma das principais informações que serão entregues no seu teste genético da Progenes é a sua facilidade em desenvolver mais fibras de contração rápida, fibras de contração lenta ou se tem uma boa proporção entre ambas. Esta informação pode indicar um treino mais intenso, do tipo HIIT ou menos intenso e mais demorado. Adaptando seu treino para seu potencial inato, você poderá acelerar seus resultados na perda de peso ou no ganho de massa magra.

Gene do Enduro ACE:

O outro gene avaliado, que chamamos de gene do enduro é a variante ACE. Este gene está relacionado com o controle da vasoconstrição dos vasos sanguíneos, controle da pressão sanguínea, suscetibilidade ao sódio e a carboidratos simples. Este gene pode trazer informações quanto a suplementação com carboidratos simples como maltose ou maltodextrina e quanto ao consumo de sal.

Gene FABP2

Gene de ligação a ácidos graxos: O gene FABP2 produz uma proteína que é responsável pela absorção de carboidratos simples e gorduras pelos intestinos. Saber sua variante para este gene irá trazer informações sobre sua suscetibilidade em especial a gorduras saturadas e a carboidratos simples.

Gene PPARG

O gene PPARG é uma proteína que regula a proliferação de peroxissomos dentro das células. Os peroxissomos são responsáveis por realizar processos importantes de beta-oxidação ou queima de gordura. Esta variante está associada a sua capacidade de degradação de gorduras.

Gene ADRB3

Receptor adrenérgico beta 3: O receptor adrenérgico beta 3 também está associado a sua capacidade de queima de gordura, quando este receptor é mais ativo você pode mobilizar mais gorduras para produção de calor e gasto de energia. Também está relacionado com seu gasto energético em repouso que é a quantidade de energia que você gasta quando não está fazendo exercícios.

Genes ADRB2.13 e ADRB2.14

Receptor Adrenergico beta 2 variantes (rs1042713 e rs1042714): O receptor adrenérgico beta 2 também está relacionado a queima de gordura, neste caso são avaliadas duas variantes no mesmo gene, ambas são importantes para definir a atividade do receptor e se suas células têm maior tendência a absorver nutrientes como a glicose para armazenamento como gordura ou se você tem mais capacidade de queima de calorias.